• Prof. Carlos Pimenta

Análise de um tapão, será que é só isso?


Se você assistiu ao vídeo provavelmente deu algumas risadas. A montagem foi feita por alguém na internet que viu, em um eventual desfortuno, uma oportunidade de fazer um vídeo com bom humor! Mas você consegue ver algo mais?



Acredita que pode tirar lições valiosas para sua vida pessoal, profissional ou empresarial? Se você olhar sob o prisma da Arte Marcial Russa a resposta é sim. Aqui eu te ensino a olhar as coisas e identificar tudo de forma mais ampla... tem que ser para a vida! Entende?


Veja 30 itens que eu identifiquei assim que assisti o vídeo:

1) Não adianta fazer birrinha na frente de um problema, você tem que lidar com ele.

2) Não seja “valentão” na frente de um “problema maior”, seja estratégico.

3) Não perca a calma! Mantenha-se “respirando” o tempo todo.

4) A movimentação natural (fluída) é sempre melhor que a movimentação forçada (marcial).

5) Não se distraia com a “conversa” dos outros (ruídos empresariais, falatórios, etc.), isso pode ser um engodo.

6) Nem sempre recuar é a melhor estratégia. Se for a única opção mantenha uma distância segura.

7) Não deixe que os outros ocupem seu espaço.

8) Você pode não ser tão bom (inteligente, forte, esperto, ágil, profissional, etc.) quanto você imagina. Mantenha-se sempre preparado (atualizado).

9) Ficar parado é “colocar um alvo no peito”.

10) Não importa se você tem razão ou não, posicione-se em segurança.

11) Não subestime seu adversário (seu concorrente, colegas de trabalho, outros departamentos, etc.) – monitore-o sempre!

12) Tem sempre alguém com a “mão mais pesada” que a sua (mais estruturado, comercialmente mais arrojado, com mais vendedores, com mais expertise, etc.)

13) Cada um usa as armas que tem e se for usada no momento certo vai funcionar.

14) Não ache que os outros vão ter pena de você (por exemplo: seus concorrentes, colegas, etc.). Não vão não.

15) Ao entrar numa empreitada gerencie melhor seus riscos: pode não haver ninguém para te ajudar quando você estiver caído.

16) Muitas vezes até seus amigos (parceiros comerciais, colegas de empresa, etc.) podem não ajudar, ficar paralisados, fingir que não é com eles ou se retirarem estrategicamente.

17) Se você fez uma coisa errada é melhor assumir e consertar logo, antes que o problema fique maior.

18) Se o problema é muito grande as vezes é melhor chamar mais gente para te ajudar (sua equipe, seu departamento, seu chefe, seu parceiro, seus amigos, etc.).

19) Não conte com a complacência dos outros. Tem hora que é você com você mesmo.

20) Você não precisa usar uma bala de canhão para abater um mosquito (não gaste tempo e recursos desnecessários para a situação), as vezes o simples funciona muito bem (um bom tapa).

21) Evite entrar em conflitos, mas se entrar tem que ser para “ganhar” (se preservar, sua equipe, seu projeto, seu negócio, etc.)

22) Nem sempre quem vai te dar a mão vai te ajudar de verdade. Ele pode estar manobrando para que você se exponha mais.

23) Não dê motivo para ser chacota dos outros. Se você vacilar provavelmente vai se dar mal.

24) Às vezes você pode não ter forças para se levantar então preserve-se para não cair.

25) Caiu? Então tente se levantar o mais rápido possível.

26) Ficar com os braços para baixo (não estar de prontidão para as adversidades, para aproveitar um bom negócio, não ter pensado em resposta a riscos, etc.) pode ser um problema pois pode demorar muito para se defender (se estruturar para uma ação de negócios, se posicionar melhor em uma negociação, dar a melhor resposta para um Cliente, implementar uma estratégia, agir perante um risco iminente, etc.).

27) Brigue e seja firme em defesa de seus melhores princípios mas não se exponha desnecessariamente por causa de sua reputação.

28) Não é tanto pelo físico mas sim pelo emocional. No final das contas é ele que vai fazer a diferença depois que o problema aconteceu.

29) Resolver um problema na “luz do sol” (onde se pode ter uma visão mais clara e ampla da situação) é muito mais fácil do que “de noite” (em um momento emergencial).

30) Timing é tudo ! Você consegue ver algo mais? Conta pra mim !! Ficou curioso e quer conhecer mais da Arte Marcial Russa? Agende sua aula experimental grátis. É só me retornar em (11) 3021-6769 ou no e-mail: carlos.espacofuncional@gmail.com


Prof. Carlos Pimenta (Arte Marcial Russa, Acupunturista & Massoterapeuta)


## Acha que esta postagem pode ajudar alguém? Compartilhe. ##

*** Agende aula experimental como nosso convidado(a) ! *** Visite: www.espacofuncional.com.br ou ligue: (11) 3021-6769 http://www.espacofuncional.com.br/blog FanPage: www.facebook.com/espacofuncional.monicapimenta/ Instagram: espacofuncional

E-mail: carlos.espacofuncional@gmail.com


40 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo